domingo, 3 de abril de 2016

Está aqui um escritor e dois tolinhos: agora façam as vossas apostas.

Mario Vargas Llosa, Umberto Eco and Salman Rushdie, May 2008 -by Beowulf Sheehan
For this meeting of “The Three Musketeers”, go to PEN (include the audio of the event) thanks for this reminder to:
entregulistanybostan:

Trío de nobelizables: Vargas Llosa, Umberto Eco y Salman RushdieVia

6 comentários:

Rantanplan disse...

O escritor é o que está a chorar, ao centro, com a mão na testa.
Os outros, que o amparam, nem conheço.

Cuca, a Pirata disse...

O escritor é o da direita.

Anónimo disse...

nunca li losa nem tenho curiosidade.

rushdie podia ser talhante ou calceteiro que ia dar ao mesmo (o losa dava um grande taxista, porventura motorista da carris)

numa aula de história do liceu a prof decidiu passar "o nome da rosa". no final eu disse que não tinha gostado do filme e ela olhou para mim com ar de desapontamento e tristeza (não sei porque disse isso; em termos gerais não gostava de nada do que se passava na escola e por isso mesmo não encontrei qualquer motivo para gostar do filme) decidi nesse dia, não sei por que motivo, que jamais iria ler eco (o facto de todos os intelectuais de tv o citarem bastante ajuda a manter firme o adolescente desígnio).

Vicente Vivaldo Fino disse...

Estou com a Cuca! Os textos do Eco que me obrigaram a ler na universidade continuam a deixar-me com um sentimento constante de burrice. O outro ganhou um Nobel, verdade?

gerónimo cão disse...

Só à bofetada.

Ass: João Soares

Anónimo disse...

o escritor sou eu, caralho.


condenado